imafar@imafar.com.br

imafar@imafar.com.br

A importância do Selênio na saúde.

O selênio é um mineral abundante na crosta da Terra, e é uma substância fundamental para nossa saúde. Nos alimentos, apresenta-se na cor avermelhada, e faz um papel regenerador fundamental no organismo.

O selênio é vital para a saúde a nível celular: ele atua como antioxidante e como anticoagulante, de modo que a sua influência positiva abrange um espectro bastante grande.

Selênio tem uma função similar à vitamina E: é um ótimo antioxidante que impede a formação de radicais livres.

Ao ingerir o selênio, é recomendável também a ingestão de alimentos com alto teor de vitaminas A, C e D em conjunto, pois estas vitaminas melhoram a absorção de selênio pelo organismo.

O selênio é um dos componentes de enzimas de proteção importantes para a desintoxicação do corpo. Age como um antioxidante, defende as células do organismo de radicais livres que surgem todos os dias sob a influência de toxinas ambientais, tabaco e estresse. O selênio melhora a imunidade e combate infecções agudas e crônicas.

Benefícios do Selênio

  1. Melhora a imunidade

Doenças comuns podem ser prevenidas pelo selênio. O estímulo ao funcionamento do sistema imunológico se destaca entre seus benefícios, diminuindo inflamações e, assim, evitando a sobrecarga do sistema imunológico como um todo.

  1. Ajuda na prevenção do câncer

Para quem tem casos de câncer (de qualquer tipo) na família, uma boa ingestão de selênio é recomendada. Boas doses contribuem para prevenir particularmente câncer de próstata, do sistema linfático, de boca e pulmonar. Age no tratamento de casos de doenças já instaladas e faz o suporte para a recuperação de células saudáveis no organismo.

  1. Combate aos Radicais Livres

A presença de níveis ideais de selênio potencializa a regeneração do DNA atacado por radicais livres, de modo que o papel do selênio para evitar o câncer é ainda mais pronunciado.

  1. Bom para a Tireoide

O selênio estimula o sistema endócrino, particularmente a glândula tireoide. Essa glândula central, que regula o metabolismo e o funcionamento de outros componentes do sistema endócrino, funciona de modo mais eficaz através da influência do mineral.

  1. Prevenção de Doenças Cardiovasculares

O selênio também possui funções que protegem o sistema circulatório. O seu efeito anticoagulante protege o corpo contra perigosos coágulos e contribui para evitar problemas cardíacos como arritmia, entupimento das veias e artérias do coração. O selênio também faz o controle do colesterol ruim do corpo e reduz a densidade do sangue. O sangue com presença adequada de selênio faz uma circulação eficiente para todos os órgãos.

  1. Ganho de Massa Muscular

Como todos os antioxidantes potentes, o selênio oferece aos músculos uma significativa proteção contra os radicais livres que são liberados após o treino de resistência muscular. Dessa forma, os músculos são  beneficiados, uma vez que sua recuperação após o treino se torna mais rápida. Melhora também a fadiga.

  1. Retarda o envelhecimento

Devido aos efeitos antioxidantes, ele ajuda a retardar o envelhecimento precoce.

  1. Ajuda na desintoxicação do corpo

Também pela presença de antioxidantes, o selênio ajuda a desintoxicar do organismo toxinas e metais pesados como mercúrio e cádmio.

Efeitos da Falta de Selênio

O primeiro efeito visível da deficiência de selênio é um quadro de fraqueza muscular e de fadiga. Prejudica também as funções da tireoide, que pode passar a funcionar a níveis muito abaixo do ideal. Esse funcionamento lento da tireoide é o hipotireoidismo, que provoca uma desaceleração do metabolismo, conduzindo muitas pessoas à obesidade e a riscos significativamente maiores de doenças cardiovasculares.

A longo prazo, as funções do selênio na prevenção de doenças passam a fazer falta. O risco de câncer, bem como de doenças cardiovasculares e de doenças infeccionais, torna-se muito maior caso haja uma deficiência de selênio no organismo. Além das doenças, o corpo sem a quantidade necessária de selênio sofre com os efeitos do envelhecimento acelerado.

A deficiência de selênio no corpo podem acarretar a redução da capacidade cognitiva sensorial e também da memória.

Fontes de Selênio

O selênio é encontrado em diversos alimentos como: ovos, pães, frango, arroz, queijo, macarrão e peixes. Porém a quantidade do mineral contido nestes alimentos é muito pouca. Um dos alimentos que mais contém selênio é a castanha do Pará, um alimento exclusivo brasileiro.

Não existe uma quantidade certa padronizada de consumo de selênio para cada pessoa, pois a quantidade varia de acordo com o biotipo de cada  pessoa. Na maioria dos casos, porém, um consumo diário de 100mcg a 300mcg é bem razoável.

Para ter uma referência das quantidades ingeridas podemos verificar a quantidade de selênio em uma castanha do Pará. Muitas tabelas divergem na quantidade (mesmo porque depende da castanha e do tamanho), mas normalmente uma castanha contém entre 45mcg a 85mcg de selênio.

Excesso de Selênio

Toxicidade de selênio é rara. Grande parte do excesso é eliminado pela urina. Porém, quando acontece o excesso da ingestão de selênio podem ocorrer cabelos quebradiços e unhas, desconforto gastrointestinal e perda de cabelo. Outros sintomas incluem odor de mau hálito, erupções cutâneas, fadiga, irritabilidade e danos nos nervos. A dose de até 400mcg diárias de selênio é considerado segura para a saúde.

Suplementos de Selênio

Para quem optar por fazer a suplementação, uma dose de 200mcg de selênio é recomendada para as pessoas com problemas de tireoide. É importante também suplementar a Vitamina E que funciona sinergicamente com o selênio como antioxidante.

Esta dosagem é suficiente para ter um efeito terapêutico para o tratamento da deficiência de selênio, tendo baixo risco de causar sintomas de sobre dosagem.

E você, já tinha pensado sobre o selênio? Costuma comer castanhas no seu dia a dia ou até fazer suplementação?

Fonte: https://belezaesaude.com/selenio/

Faça seu orçamento

Informações importantes:

*Nunca use medicamento sem orientação de um profissional habilitado, principalmente mulheres grávidas, lactantes e menores de 18 anos. Converse com ele sobre os possíveis efeitos colaterais.

*Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem fazer uso do produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o profissional habilitado.

*Os resultados e indicações referentes ao produto foram avaliados e comprovados pelo fabricante deste insumo farmacêutico. Não garantimos os resultados descritos, pois variam de pessoa para pessoa e de diversos fatores como alimentação, prática de exercícios físicos, presença de outras patologias, bem como, o uso correto do produto.

Compartilhe esse conteúdo:

Postado em

ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES

Papo de Especiaista – Alergias

Por Imafar | 1 de setembro de 2021

Uma bate papo sobre alergias em geral com a querida Dra Milena Pandolfi Amaral. O por quê da alergia estar aumentando, se existem formas de prevenção, quais as formas de […]

Continuar lendo >
Homem foto criado por serhii_bobyk - br.freepik.com

5 sintomas de que a sua testosterona anda baixa e como melhorá-la

Por Imafar | 28 de agosto de 2021

A testosterona é o principal hormônio masculino, pois atua em diversas partes do corpo, influenciando o comportamento físico e até mesmo o desempenho sexual. Ela é considerada um hormônio que […]

Continuar lendo >
Carrinho de compras