imafar@imafar.com.br

imafar@imafar.com.br

Nutrição Esportiva: TUDO o que você precisa saber!

Dentre as diversas áreas da Nutrição, a esportiva vem ganhando bastante visibilidade ultimamente. Como o próprio nome já diz, é a associação da alimentação com a prática de esporte.

Mais do que isso, trata-se da ciência que aplica os conhecimentos sobre nutrientes ao desempenho físico. Orientando não só para busca de resultados, no caso dos atletas, como da promoção da saúde e melhora da performance de praticantes amadores.

Profissionais que entendem de fisiologia e bioquímica do exercício, além de nutrição, estão aptos a corrigir erros na alimentação. Atuam com o objetivo de aprimorar o desempenho em determinada atividade, além de promover a melhor recuperação do organismo.

No entanto, a nutrição esportiva tem um universo bastante amplo, e não é tão simples enxergá-lo em sua totalidade. Por isso, neste artigo, reunimos tudo o que você precisa saber sobre o assunto. Do papel do nutricionista esportivo ao campo de atuação. Assim como a importância da área, o mercado de trabalho atual e o que é preciso fazer para trabalhar na área. Não deixe de ler!

O QUE É A NUTRIÇÃO ESPORTIVA?

De maneira simples, podemos dizer que nutrição esportiva é a área que estuda a relação entre alimentação e prática de esporte. Seja por atletas profissionais e amadores ou praticantes de atividades físicas.

Trata-se da aplicação dos conhecimentos de nutrição, fisiologia e bioquímica na prática de exercícios. Isso é feito com o objetivo de melhorar o desempenho, otimizar a recuperação pós-exercício e promover saúde.

Em função da influência dos nutrientes no desempenho do organismo, é possível buscar melhores resultados mudando a alimentação. As principais metas costumam ser a perda de gordura e o ganho de massa magra, ambos diretamente relacionados à nutrição.

Além disso, o esforço físico excessivo pode provocar alterações fisiológicas e desgaste nutricional no atleta. Por isso, é preciso fazer a correta compensação por meio da alimentação.

Na prática, é tida como uma especialidade da nutrição voltada ao atendimento de atletas e pessoas que praticam atividade física regular.  Individuados que buscam melhorar o seu rendimento e modificar a composição corporal. Por isso, vem ganhando mercado também nas academias.

Além de objetivar indivíduos mais saudáveis, o nutricionista esportivo atua no sentido de melhorar o desempenho de seus pacientes na prática do esporte. Assim, a base dessa ciência é a conjugação dos benefícios desses dois pilares da boa saúde: exercício e alimentação.

QUAL A IMPORTÂNCIA DA NUTRIÇÃO ESPORTIVA?

Proteínas, lipídeos, carboidratos vitaminas e minerais são nutrientes que fornecem disposição e energia, além de serem responsáveis pela construção e reparação dos músculos após a prática do exercício.

Já a atividade física regula o metabolismo, melhora a qualidade dos órgãos e ossos e contribui para a queima de gordura. Dessa maneira, a dieta deve ser associada ao tipo de exercício, uma vez que as quantidades e os nutrientes necessários são diferentes, de acordo com a modalidade praticada e a composição corporal do indivíduo.

Assim, o plano alimentar de alguém que pratica atividade física regularmente precisa ser diferenciado, de acordo com o tipo de exercício executado e com a duração do mesmo.

O atendimento deve ser global, considerando as individualidades do atleta, suas necessidades energéticas, funcionamento de sistema digestivo, hormonal, dentre outros, além dos impactos de tudo isso no desempenho durante a atividade e vice-versa.

Para isso, é preciso um conhecimento aprofundado sobre fisiologia do exercício, o que não necessariamente é requerido de um nutricionista geral. Por isso a especialização em nutrição esportiva é tão importante.

Diante das fortes tendências atuais de busca por um corpo mais saudável e mais qualidade de vida, cada vez mais pessoas buscam adaptar sua alimentação e estilo de vida, buscando equilíbrio e rendimento, aumentando a demanda pelo atendimento personalizado no esporte.

Cresce o número de veganos e vegetarianos, bem como consumidores de produtos integrais e orgânicos, e, principalmente, de praticantes de atividade física. Levando em conta as necessidades desse paciente mais ativo e consciente, é importante que os profissionais de nutrição estejam aptos a orientá-los, no que diz respeito à nutrição esportiva.

QUAL O PAPEL DA SUPLEMENTAÇÃO?

Outra questão extremamente relevante é o aumento da oferta e a facilidade de acesso aos suplementos nutricionais. É cada vez maior o número de consumidores de aminoácidos — arginina e creatinina — carboidrato em pó e proteínas, sem qualquer acompanhamento profissional.

É o nutricionista esportivo quem está apto a recomendar o uso desses produtos, elaborando uma recomendação personalizada para cada paciente, de acordo com a necessidade, objetivo, composição corporal, tipo, frequência e intensidade da atividade praticada.

Além disso, a suplementação de ômega 3, vitaminas e minerais também podem ser indicadas por esse profissional, com o objetivo de reduzir a fadiga muscular e contribuir para a recuperação pós-treino.

PUBLICADO POR FACULDADE IDE EM 24 DE OUTUBRO DE 2019

Faça seu orçamento

Informações importantes:

*Nunca use medicamento sem orientação de um profissional habilitado, principalmente mulheres grávidas, lactantes e menores de 18 anos. Converse com ele sobre os possíveis efeitos colaterais.

*Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem fazer uso do produto, recomenda-se descontinuar o uso e consultar o profissional habilitado.

*Os resultados e indicações referentes ao produto foram avaliados e comprovados pelo fabricante deste insumo farmacêutico. Não garantimos os resultados descritos, pois variam de pessoa para pessoa e de diversos fatores como alimentação, prática de exercícios físicos, presença de outras patologias, bem como, o uso correto do produto.

Compartilhe esse conteúdo:

Postado em

ÚLTIMAS PUBLICAÇÕES

Papo de Especiaista – Alergias

Por Imafar | 1 de setembro de 2021

Uma bate papo sobre alergias em geral com a querida Dra Milena Pandolfi Amaral. O por quê da alergia estar aumentando, se existem formas de prevenção, quais as formas de […]

Continuar lendo >
Homem foto criado por serhii_bobyk - br.freepik.com

5 sintomas de que a sua testosterona anda baixa e como melhorá-la

Por Imafar | 28 de agosto de 2021

A testosterona é o principal hormônio masculino, pois atua em diversas partes do corpo, influenciando o comportamento físico e até mesmo o desempenho sexual. Ela é considerada um hormônio que […]

Continuar lendo >
Carrinho de compras